Número De Objectivos Realizados Vs Número De Horas Cumpridas

Objectivos Realizados Vs Nº de Horas Compreendidas

Neste artigo vamos falar um pouco sobre a Cultura Unmaze (parte 2). (Clique aqui para ver parte 1)

Na maior parte das organizações o horário de trabalho é definido pela regra 40 horas semanais, com tempos de descanso pré -definidos.

Outras empresas, maioritariamente internacionais, já optaram há alguns anos por uma nova abordagem de gestão de recursos humanos. A primeira alteração, principalmente no sector de TI, foi passar de um conceito de gestão de “recursos humanos” para gestão de “talentos”. As empresas são feitas de pessoas, e estas não devem ser geridas como “recursos”, porque a partir desse momento, eliminamos o maior fator diferenciador, o fator humano.

Recursos são descartados, comprados, vendidos ou melhorados.

Talentos são integrados, remunerados, formados e optimizados.

Um novo conceito

É nesta alteração de paradigma que entra o conceito “número de objectivos realizados” ao invés de “número de horas cumpridas”. Existe um foco no resultado final, não no numero de horas trabalhadas num dia ou semana.

Isto traz benefícios em termos de liberdade de horário e responsabilidade profissional. É neste sentido que o conceito de gestão de talentos assume o seu maior expoente, pois torna-se imperativo neste modelo as empresas encontrarem e gerirem talentos que se enquadrem e se sintam realizados com a cultura e missão da Empresa.

São definidos objectivos ou tarefas que devem ser desempenhadas pelo colaborador, nas quais este contribui primeiro para a sua realização, aceitando as mesmas ou não, assumindo a priori competência para tal, bem como quais os deadlines para a sua conclusão. Logicamente tendo sempre em conta os prazos esperados pela empresa.

Conceitos de avaliação como por exemplo: “nunca faltou”, ” faz horas extras”, “nunca chega tarde”, deixam de fazer sentido neste modelo de gestão de talentos.

Os colaboradores são responsáveis por gerirem as suas agendas, bem do que necessitam para manter o seu estado físico e psicológico no topo, para conseguirem da melhor forma possível cumprirem os objectivos a que se propuseram concluir.

Cabe à Empresa criar as melhores condições e estrutura para isso acontecer. É necessário fomentar e comunicar que se for necessário deve-se faltar um dia para resolver assuntos pessoais, para que nos próximos dias o foco seja unicamente na conclusão do objectivo.

Potenciar o talento

Outro aspecto fundamental prende-se no facto de que nem sempre as pessoas com as melhores notas e cursos são as melhores para desempenhar com sucesso uma função e alcançar determinado objectivo. Essas métricas que por norma são factor crucial na gestão de recursos humanos, não devem ser quando falamos em gestão de talentos. Neste modelo temos o melhor talento disponível para desempenhar aquela função, com base nos seus skills, independentemente de estes ter sido adquiridos pela via académica, profissional ou pessoal.

No Unmaze desde do inicio que adoptamos uma filosofia de gestão de talentos, assente na responsabilidade profissional individual.

Criamos condições e estrutura para permitir a todos os elementos da equipa alcançarem o seu potencial máximo e sintam-se integrados com a cultura da empresa.


  • CENTRALIZE ONLINE A INFORMAÇÃO DOS SEUS CLIENTES

    Com o CRM que é facil de usar, personalizar e automatizar às necessidades da sua empresa

Deixe um comentário

avatar
  Subscrever  
Notificar-me em